sábado, 16 de outubro de 2010

Hoje...

Há uma verdade dentro de mim, que em meio a tantos questionamentos e incertezas ela permanece gritante. Às vezes, sinto que estou me perdendo, mas na verdade tudo o que tenho buscado é me encontrar. Não quero ser apenas mais uma "peça" deste grande sistema desumano. Não quero me sentir presa, escrava... não quero fazer as coisas por ter que fazer. Quero a paixão de viver de volta, quero VIVER não apenas existir. Dar sentido e propósito a minha pequena existência nesta terra. Não desejo construir grandes coisas, quero participar dos detalhes: fazer pessoas sorrirem, enxugar lágrimas, ser companhia para os solitários, dar aquele abraço, fazer pessoas se sentirem mais humanas, amadas e queridas! Estou cansadas de belas palavras e atitudes inúteis. Sinto que o tempo está correndo e não há muito o que esperar. Não busco mais ser perfeita, assumo minha natureza imperfeita e pecadora. Sei que sozinha sou insuficiente e incapaz. Sou limitada, pequena e muitas vezes desprezível. Mas um amor inexplicável me cativou. Uma graça maravilhosa mudou tudo e gerou dentro de mim uma necessidade de compartilhá-la com tantos outros perdidos como eu, que precisam conhecê-la. Não tenho grandes ambições, apenas fazer conhecida a velha história de Jesus e Sua cruz ( a minha, a sua, a nossa cruz!). Sei que dependo Dele e sempre quero ser dependente Dele, pois sem Ele posso me perder.

"I know I need You
I need to love You
I love to see You, but it's been so long
I long to feel You
I feel this need for You
And I need to hear You, is that so wrong?"


Anseio conhecer-Te, meu Deus, mais e mais. Amo-te com o meu amor imperfeito mas real. Sou Tua, óh Deus, sou Tua para sempre!


"Foi por isso que os levei a Nárnia, para que, conhecendo-me um pouco, venham a conhecer-me melhor" - Aslam
"A Viagem do Peregrino da Alvorada" - C.S. Lewis

Nenhum comentário: