domingo, 27 de janeiro de 2008

Estranha




Essa é uma palavra que ultimamente tem me definido. Não apenas o meu ser, mas também o meu estar! Sinto-me estranha.
Não sei descrever o que se passa dentro de mim; é um turbilhão de emoções, sentimentos...
Sabe aquela vontade de ficar na sua? Curtir o silêncio, pensar, descansar?
Então, é exatamente isso!
Não ficar sozinha com meus pensamentos, isso não, não dá certo. Mas render-me ao meu Senhor, mergulhar nos Seus braços... E descansar Nele! O único lugar que me encontro é o lugar que eu me entrego. Quando esvazio de mim... Encontro a Ti!
Não sei o que tenho e acredito que não seja algo provocado por alguma coisa específica, é o meu ser que está estranho, cheio e precisa se esvaziar.
É aquele tempo que dá um nó na garganta, que nos faz achegar mais perto de Ti.
Tempo que prova a nossa confiança, a nossa fé em Ti. Tempo de amar e mostrar amor. De fechar meus olhos e segurar na Tua mão. Caminhar por lugares incertos, mas segura em Ti. Sonhar além dos limites dos nossos sonhos, buscar pelos Teus sonhos e propósitos! Vivê-los intensamente! Mergulhar nas Tuas águas profundas e voar com asas como de águias!

Venha ao meu encontro, Amado meu.
Abraça-me, enche-me de Ti.
Transborda em mim o Teu amor, a Tua vida!
Dai-me asas para voar e fôlego para mergulhar.
Segura na minha mão e leva-me para junto de Ti.
No lugar onde possa ouvir Tua voz e confiar.

Amo-te, Senhor e Rei meu!
Minha vida, meu respirar, meu desejar...
Redentor e Salvador meu.

Espero em Ti.
Espero por Ti!

Eis-me aqui.

Estranha...
... Mas com meu coração sincero ao Senhor!

Bjss

Jubyss

Nenhum comentário: